Notícia

Simplás inicia implantação do projeto Plástico do Bem no Instituto Elisabetha Randon
Ver mais notícias Página inicial
Uma iniciativa de educação ambiental do Sindicato das Indústrias de Material Plástico do Nordeste Gaúcho (Simplás) está ganhando nova expansão e ampliando o alcance em Caxias do Sul. O projeto Plástico do Bem entra em fase de implementação no Instituto Elisabetha Randon, braço social do conglomerado industrial e de serviços das Empresas Randon. A arrancada será com a capacitação dos educadores, nesta sexta-feira (15), a partir das 14h, na sede da Randon, em Caxias do Sul. No total, 360 crianças atendidas pelo programa Florescer serão incluídas na ação que se encontra em andamento desde 2018 nas escolas municipais de educação infantil da vizinha Farroupilha e também já foi implementada na Câmara de Indústria, Comércio e Serviços (CIC) de Caxias do Sul. A capacitação das crianças, prevista para as próximas quarta (20) e quinta-feira (21) nas casas Interlagos (Randon) e Forqueta (Fras-le) contará com o apoio do instituto sócio-ambiental Plastivida. O projeto Plástico do Bem prepara educadores para multiplicar informações e conhecimento entre crianças e adolescentes em idade escolar, com o objetivo de conscientizar e estimular a adoção de novos hábitos de separação, limpeza e destinação correta de resíduos plásticos pós-consumo pela população atual e futuras gerações de adultos. “Apenas quem investe na educação ambiental mostra comprometimento verdadeiro com o futuro da humanidade e com a limpeza do planeta. As crianças e jovens de hoje precisam compreender o impacto de suas escolhas e responsabilidades individuais para o bem-estar coletivo. É o que buscamos e encontramos nesta parceria com o Instituto Elisabetha Randon”, afirma o presidente do Simplás, Jaime Lorandi. Em paralelo, o material arrecadado pelos estudantes e suas famílias nas próprias residências e vizinhanças é reunido e comercializado pelas escolas, e assim, gera renda extra para cada instituição aplicar da forma que considerar mais adequada. O ciclo se completa com a participação de uma empresa recicladora conveniada, que faz a coleta, aquisição, processamento e reinserção de todo o volume na cadeia econômica do plástico. A partir das primeiras semanas de abril, a iniciativa entrará em fase de implantação nas escolas municipais de ensino fundamental de Caxias do Sul. Devido à amplitude da rede, o processo ocorrerá por etapas, abrangendo sucessivamente cada um dos cinco núcleos regionais de atendimento. Mudança medida em números No primeiro ano de funcionamento de Plástico do Bem, em Farroupilha, cerca de 500 professores e 6,5 mil estudantes receberam orientação quanto à separação, limpeza e descarte correto de plásticos pós-consumo. Com oito meses de operação, durante o período letivo, o projeto já encaminhou para a reciclagem 18 toneladas de plásticos limpos e gerou às 22 escolas inseridas no projeto uma renda extra de R$ 14 mil. Os recursos foram utilizados na aquisição de material didático, jogos e brinquedos educativos, lanches e livros. Sobre o Florescer Enquadrado na política de assistência social, como um Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), o Programa Florescer beneficia, gratuitamente, crianças e adolescentes de 6 a 15 anos, disponibilizando atividades pedagógicas, culturais e esportivas, com funcionamento de segunda a sexta-feira, no turno inverso ao da escola regular. O Florescer atende 360 beneficiários em dois núcleos, localizados nas dependências das Empresas Randon, em Caxias do Sul (RS). Além disso, conta com franquias consolidadas, em Ribeirão Preto (SP), em Bento Gonçalves (RS), em Maringá (PR) e em Vacaria (RS). Fotos: Vanessa Weber
Endereço
Rua João Abbott, 257 - Sala 404 | Petrópolis
CEP 90460-150
Porto Alegre | RS
Telefones
(51) 32093525
Siga-nos